18+ | Jogue com responsabilidade | Termos e Condições Aplicáveis | Conteúdo comercial | Somente para novos clientes

Procuradoria pede mais de 2 anos de prisão para ex-presidente da Federação Espanhola

- Procuradoria pede mais de 2 anos de prisão para ex-presidente da Federação Espanhola

Incidente durante Mundial Feminino gera acusação de agressão sexual

Um procurador do Supremo Tribunal da Espanha está a tentar colocar uma pena de prisão de 2 anos e meio para Luis Rubiales, ex-presidente da Real Federação Espanhola de Futebol, por um suposto beijo forçado em Jenni Hermoso, segundo apresenta o documento judicial ao qual a Reuters teve acesso nesta quarta-feira (27).

O caso aconteceu a 20 de agosto do ano passado, durante a cerimónia de premiação após o título da Espanha no Mundial Feminino em Sydney, na Austrália. Hermoso e as companheiras de seleção disseram que o beijo foi indesejado e humilhante, mas Rubiales argumentou que foi consensual e negou qualquer irregularidade.

A promotora Marta Durantez acusou Rubiales de agressão sexual e de coerção pelas supostas ações após o beijo, crimes que acarretariam penas de prisão de um ano e um ano e meio, respectivamente. A promotoria também acusou o ex-técnico da Seleção Feminina da Espanha Jorge Vilda, o atual diretor desportivo da seleção, Albert Luque, e o diretor de marketing da federação, Ruben Rivera, de coagirem Hermoso a dizer que o beijo foi consensual. Todos os três negaram qualquer irregularidade no tribunal.

Promotoria procura compensação financeira para a vítima do suposto beijo forçado

Durantez está na tentativa de que Rubiales pague 50.000 euros por danos a Hermoso e outros 50.000 euros pagos conjuntamente por Rubiales, Vilda, Luque e Rivera. Se o tribunal condenasse Rubiales e impusesse a sentença solicitada, o mesmo não teria necessariamente de ir para a prisão. O código penal espanhol permite que os juízes suspendam “excepcionalmente” a execução da pena se – como neste caso – nenhuma das penas impostas individualmente exceder dois anos.

Marina Sampaio
122 articles
Marina Sampaio é jornalista há mais de 10 anos. Trabalhou em agências de comunicação como especialista de conteúdo em diferentes plataformas para os editoriais de Educação, Política e Beleza. Desde 2024, assumiu a responsabilidade de liderar o Vivaposta, website focado em apostas desportivas legais e desporto. Como entusiasta apaixonada por ambas as áreas, tem o privilégio de fornecer análises, dicas e insights valiosos aos nossos seguidores.