18+ | Jogue com responsabilidade | Termos e Condições Aplicáveis | Conteúdo comercial

Os 5 principais erros de póquer de amador a evitar a todo o custo

Se está a começar a jogar póquer, deve saber que não se trata apenas de conhecer as regras.

Depois de dominar o básico e se estiver sentado numa mesa com jogadores à séria, não estrague tudo por cometer um erro de amador clássico que o vai fazer parecer principiante.

Erro n.º 1: Ignorância

Primeiro, e acima de tudo, está a ignorância. Nada o faz parecer mais jogador de póquer amador do que não saber exatamente como funciona o jogo.

É normal que um principiante esteja nervoso, mas não apanhado a confundir o flop com o river, dizer Desisto em vez de Passo, ou esquecer-se de apostar uma blind antes de jogar.

Não saber quando jogar ou esquecer o valor das fichas não só parece amador, mas perde tempo e é provável que irrite os outros jogadores.

Este erro é muito fácil de evitar se começar a jogar póquer online no modo anónimo.

Ignorância

Erro n.º 2: Exagerar

Há sempre um perdedor na mesa de póquer, e o erro de amador é não saber quando o perdedor é você e está na hora de ficar por aí.

Um dos piores erros que os principiantes podem fazer é pensar que é obrigatório jogar em todas as mãos. Pode querer ficar no jogo para completar uma certa mão, mas os novatos são frequentemente culpados de sobrestimarem totalmente o valor e as hipóteses de terminarem a mão.

Para um novato, qualquer mão com Valete, Rainha, Rei ou Ás parece ser uma vencedora, mas na realidade duas cartas numericamente inferiores mas em sequência ou do mesmo naipe podem ter uma hipótese muito maior de ganhar.

Apostar alto na esperança de obter uma carta quando há apenas quatro no baralho pode custar caro aos recém-chegados.

 

Erro n.º 3: Desvalorizar

Desvalorizar pode ser tão mau quanto exagerar.

As suas primeiras vezes na mesa serão certamente motivo de nervosismo, mas não vai chegar a lado nenhum se desistir de uma mão por não achar que é totalmente imbatível.

Lembre-se: só porque outros jogadores, mais experientes, na mesa estão a jogar de forma agressiva e a apostar alto, isso não quer necessariamente dizer que têm uma mão forte mas sim que podem estar simplesmente a fazer bluff. Não faça estas suposições no póquer nem se deixe guiar por elas.

A única forma de deixar de ser um jogador de póquer amador é jogar póquer e tirar proveito de pequenas oportunidades de ganhar.

 

Erro n.º 4: Ficar na bancarrota

Quando está a começar a jogar póquer, pode imaginar-se como um promissor Daniel Negreanu ou Vanessa Selbst, mas um dos maiores erros que um principiante pode fazer é deixar-se levar e perder cada cêntimo que tem.

Para evitar ficar na bancarrota, certifique-se de que estabelece o seu saldo antes de jogar e, mais importante ainda, que o vai cumprir.

Esta é uma grande armadilha para amadores no mundo do póquer online, onde a gestão do saldo pode ficar esquecida quando tem acesso eletrónico ilimitado a todo o seu dinheiro.

Relacionada com este erro está a crença de que a sorte volta sempre: mãos más não são necessariamente seguidas de uma mão fantástica, por isso não aposte toda sua fortuna na esperança de recuperar a dívida perdida.

 

Erro n.º 5: Denunciar-se

A arte do bom póquer é manter as suas cartas bem perto de si e não revelar nada, a menos que seja uma pista falsa, é claro.

Muitas vezes, os jogadores amadores de póquer esquecem-se disso e, depois de terem jogado uma mão a seu favor, celebram ou gabam-se aos adversários. Este é o erro número 5.

Por isso, para evitar esta armadilha clássica, certifique-se de que mantém um comportamento discreto na mesa e nunca revele a sua deceção ou o seu entusiasmo com uma mão.

Até mesmo os peritos se atrapalham algumas vezes e fazem uma gafe destas. A diferença é que geralmente estão a jogar para ganhar milhões. Veja o nosso top dos 10 piores jogadores e vai sentir-se melhor com as suas perdas.